TV Estado Paraiba

Sabado, 20 de Julho de 2024

Notícias/João Pessoa

Sejer inicia 2024 com mais projetos, ações esportivas e apoio para atletas de alto rendimento

Esporte

Sejer inicia 2024 com mais projetos, ações esportivas e apoio para atletas de alto rendimento
Kleide Teixeira, Assessoria/Sejer e Arquivo/SECOM
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Na temporada passada, a Secretaria de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer), da Prefeitura de João Pessoa, promoveu diversas atividades. A pasta fechou o ano com mais de 20 projetos que atendem crianças, adolescentes e adultos. Para 2024, a gestão quer repetir os eventos e a implementação do “Projeto João Pessoa Medalha”, que visa apoiar atletas de alto rendimento que representem a cidade em competições regionais, nacionais e internacionais.

“É uma grande vitória da gestão. Esse programa vai mudar o esporte da cidade, e é um dos maiores legados que iremos deixar. Tenho certeza que vai contribuir muito para os atletas iniciantes e os de alto rendimento. Os atletas que forem para as competições regionais, nacionais e internacionais (oficiais), que ficarem até o terceiro lugar terão um incentivo financeiro da Prefeitura, uma retribuição financeira como reconhecimento”, revelou Kaio Márcio, o secretário de Juventude, Esporte e Recreação.

Outra novidade, é a ampliação do “Campeões do Amanhã”, programa que insere crianças da Rede Municipal de Ensino na prática esportiva, onde propõe – na maioria delas – a inclusão no programa olímpico. Hoje, o projeto é distribuído em 19 modalidades esportivas: futebol (masculino e feminino), futsal, handebol, voleibol, vôlei de praia, basquete, ginástica rítmica e artística, jiu-jitsu e para jiu-jitsu, canoagem olímpica e oceânica, natação, natação no mar, pólo aquático, triatlhon, tênis e beach tennis.

Leia Também:

“O grande sonho é ampliar para 21 modalidades, onde iremos acrescentar o surfe e o skate, que já são modalidades olímpicas. Temos muito potencial aqui em João Pessoa, principalmente o skate, onde temos excelentes pistas. O surf, por exemplo, seria mais uma iniciação mesmo, devido ao mar, mas conseguiremos fazer. Eu acredito que são projetos que conseguimos emplacar e que serão sucesso de público como acontece nas outras modalidades”, explicou.  

Calendário de realizações em 2023 – O primeiro evento da Sejer foi em março, com o Festival de Futebol do Campeões do Amanhã e o 2º Encontro de Capoeira e o estadual de corrida de orientação. Ao longo do primeiro semestre, ainda foram realizados: Torneio João Pessoa Cup de Futebol de 7, Festival de Futsal, Festival de Ginástica Artística, Basquete e a Copa Futmesa, inserida no ‘Torneio das Comunidades’ em parceria com a Central Única das Favelas (Cufa).  

No segundo semestre, os eventos tiveram início ainda em julho com competições no vôlei e handebol. A 3ª edição da Maratona Internacional reuniu mais cinco mil atletas de todo o Brasil e até do Quênia, e confirmou a tradição da cidade para a prática de esportes saudáveis. A prova que teve distâncias de 5km, 10km, 21km e 42km, foi vencida pelo queniano Justin Morse. No Feminon, Marily dos Santos foi a grande campeã.   

Ainda era agosto, e no mês de aniversário de João Pessoa, a Prefeitura inaugurou a primeira academia ao ar livre. O equipamento serve, de maneira gratuita, aos praticantes de atividades físicas, e já conta com mais de 5 mil atletas inscritos.   

A Copa Brasil de Paraciclismo desembarcou na cidade, com a participação de 112 atletas divididos em 13 categorias. A competição foi a última da temporada e formou a Seleção Brasileira, que disputou os Jogos Parapan-Americanos, no Chile. Quem retornou ao município foi o Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, onde foram sediados os torneios Aberto e Top-12, o Sub-21 e a final do Elite-16 do Circuito Mundial.

Outro grande evento realizado pela pasta foi a Copa João Pessoa de Futebol. Pelo segundo ano consecutivo, doze equipes disputaram o torneio no feminino, que teve como campeã as meninas do Brisamar. Já no naipe masculino, após 20 anos, a seleção de Cruz das Armas garantiu o título.

Natação – Cinco praias urbanas a nado. Esse foi o desafio dos 120 atletas que concluíram a disputa da 2ª edição da Ultramaratona Aquática de natação no mar. A prova teve largada na praia do Seixas até a orla do Bessa – em duas modalidades simultâneas – no individual e revezamento de 4×4, com distância de 13km.

A capital também respirou ciclismo, e recebeu uma das provas mais importantes do esporte mundial, a Gran Fondo, que teve o desafio em dois percursos: 109 km (longo) e 84 km (curto).

No calendário aconteceu ainda o primeiro Grand Slam de Artes Marciais, que reuniu 500 atletas, distribuídos em oito diferentes modalidades, no Centro de Treinamento Ivan Tomaz, como também a Bicicletada do Natal com o percurso saindo do Busto de Tamandaré, sentido Parque Solon de Lucena, e retornando ao local de partida, e Corrida do Natal.

E para finalizando o ano, a Sejer ainda promoveu na Academia ao Ar Livre, mais um Festival João Pessoa Fitness, que contou com um circuito funcional, aulas de ginástica e de dança, tudo gratuito.

FONTE/CRÉDITOS: Amauri Aquino - Prefeitura de João Pessoa
Comentários:
TV Estado

Publicado por:

TV Estado

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book.

Saiba Mais

/Dê sua opinião

Você usa o perfume de Sula Miranda?

Nossas notícias no celular

Receba as notícias do TV Estado Paraiba no seu app favorito de mensagens.

Telegram
Whatsapp
Entrar

Veja também